Dia Nacional do Consumidor é lembrado pelo Procon

Órgão distribuiu cartilha e realizou palestra educativa nesta quinta-feira

(Gabriela Hintz)

Em alusão ao Dia Nacional do Consumidor, 15 de março, o Procon de São João da Barra realizou uma ação educativa na sede do órgão, com distribuição da Carta de Apresentação de Serviços e orientações sobre dano elétrico devido a queda de energia.

Desde segunda-feira, 12, são realizadas orientações educativas visando esclarecer a população sobre seus direitos, de acordo com o Código de Defesa do Consumidor. Encerrando a semana, na sexta-feira, 16, será apresentado o tema, “Portabilidade do número de telefone celular ou fixo”.

Segundo o coordenador municipal do Procon, Leandro Ferreira, esse tipo de ação é importante para intensificar os atendimentos e reforçar que a população pode contar com o espaço que é de todos os consumidores. “O Procon está pronto para receber as reclamações e dúvidas dos cidadãos, que através de nossa ajuda podem sanar dúvidas e mesmo solucionar problemas” pontuou.

A cartilha distribuída à população conta com informações sobre serviços e missão do órgão, produtos e serviços, fornecedor, compras pela Internet, entre outros temas e orienta o consumidor a procurar o Procon para esclarecer dúvidas ou quando se sentir lesado em seus direitos.

Para o morador de Grussaí, Richard Santos, que procurou o Procon em busca de orientação, é fundamental ter esse serviço à disposição. “Estou satisfeito em poder contar com essa ajuda aqui no município. É um serviço importante para toda a comunidade, pois nós orienta e nos ajuda a buscar nossos direitos”, ressaltou.

O coordenador ainda explicou que o trabalho do Procon é permanente e visa o atendimento continuado à população. “O consumidor traz a demanda para nossa equipe, fazemos análise para identificar se o direito está sendo violado; constatado o fato, iniciamos o contato com a empresa ou prestadora de serviço em questão por meio dos canais de contato específicos a fim de registrar a reclamação”, informou Leandro Ferreira.

Ele ainda completou que, após esse primeiro atendimento, e cumprido os prazos legais, caso a demanda não seja resolvida, é feito um relatório e encaminhado para o Judiciário. O Procon funciona com uma equipe de advogados de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na rua Benedito Gomes (antiga Coronel Cintra, na beira do rio), Centro. Número de telefone: (22) 2741-8297 e o e-mail: procon@sjb.rj.gov.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *